A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO ESTRATÉGICA NO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO ACRE (“MP RESOLUTIVO”): UM ESTUDO DE CASO À LUZ DO PARADIGMA DO GOVERNO MATRICIAL

Oswaldo D'Albuquerque Lima Neto

Resumo


Nos últimos anos, o Ministério Público do Estado do Acre vem promovendo uma ampla reflexão interna sobre a eficácia de sua atuação e a qualidade dos serviços oferecidos à sociedade, tendo em vista o acúmulo e a sobrecarga de demandas no sistema de Justiça brasileiro. O presente estudo avaliou a implantação da gestão estratégica focada no modelo de gestão para resultados, adotando o planejamento estratégico situacional como uma ferramenta de gestão organizacional, capaz de impulsionar a melhoria. O objetivo central do trabalho foi responder à seguinte pergunta: “Como ocorreu a implantação da gestão estratégica no âmbito do Ministério Público do Estado do Acre e qual foi o impacto da adoção do modelo de gestão para resultados em favor da população acreana?”. Especificamente, o trabalho apresentou os métodos de formulação da estratégia, descreveu a estrutura de gestão da estratégia em seus níveis decisórios e avaliou a concretização da estratégia na forma de ação, cujos fins determinaram os fatores de transformação. A metodologia de pesquisa foi a narrativa analítica, a qual possibilitou a exposição coerente da sequência temporal da estratégia e seus desdobramentos, por períodos de maturação entre os anos de 2010 e 2017, no Ministério Público do Estado do Acre. Conclui-se que o desdobramento da estratégia em ação determinou o sucesso do modelo. A atuação extrajudicial por meio de projetos foi capaz de ampliar o acesso do cidadão à Justiça, redefinindo o paradigma de atendimento e conferindo resolutividade, importando na realização de mais de 120 mil atendimentos a cidadãos em pouco menos de sete anos, uma vez adotado o modelo de gestão de desempenho como ferramenta de gestão estratégica voltada para a produção de resultados. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
Associada e indexada à